Terça-feira, 31 de Maio de 2011

A história da Sabrinas e do Artista-mágico - 10

Por mais anúncios que colocasse parecia não haver resposta.

Várias vezes fui até onde me pudesse ver, mas algo lhe desviava sempre a atenção.

Mais uma vez, quando já nada fazia prever, apareceu, usando como mapa as duas ultimas pistas deixadas.

Tinha-a finalmente à minha frente. Tentámos desenhar com as estrelas, revelámos segredos à lua, ouvimos o que as rãs nos tinham a dizer e discutimos sobre os animais que nos interrompiam! Ainda caminhámos, fugimos, inventámos, sorrimos. Nos intervalos tínhamos conversas banais para passar tempo apesar de que não queríamos que o tempo passasse.

Eu sabia que a algum momento ela iria dizer que se tinha que ir embora. Antes de isso acontecer, resolvi pedir o que quis desde o primeiro minuto: um abraço.

Senti-o de olhos fechados para que os outros sentidos obtivessem o máximo do momento. Foi mágico! Durou até ao limite do aceitável e cheguei a pensar que seriamos culpabilizados do aumento da temperatura terrestre, tal era o calor que produzimos!

A partir dessa noite os abraços passaram a ser a desculpa para nos tocarmos. Não eram oferecidos livremente: Eu pedia-os e ela, fazendo-se de difícil, acabava por mos dar (mas de vontade).

Chegado o momento do adeus, ela partiu e eu fiquei no mesmo lugar relembrando todos os instantes e sublinhando-os a marcador fluorescente para nunca mais esquecer. Guardei também uma imagem de cada um deles.

(Aguarela sobre papel)

É incrível como continuei a senti-la. Não o seu corpo, mas o seu perfume e a marca dos seus dedos na minha pele, que continua a sentir os pequenos choques eléctricos.

publicado por artista-magico às 21:33
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.posts recentes

. Não desapegar

. Distância

. "The end"?

. És MESMO música nos meus ...

. Nervoso

. És música nos meus dias

. BOM DIA!!

. Arte

. Do meu lado

. Bom dia!

. Sexta

. Ausência

. Banhos, de simples não te...

. E a esta hora...

. Sexta!

. Abraços

. Longe, mas do teu lado

. O mundo dá cada volta!

. Correr lado a lado

. Estás em todo o lado

. Eram os nossos sábados à ...

. Resposta

. Hoje é o teu dia

. Recomeço do blog?

. Última mensagem

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

.arquivos

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds