Sexta-feira, 3 de Dezembro de 2010

Um ano e meio

Acabou o dia sem termos trocado um "amo-te". Acabou assim o dia pois pra ti o namoro acabou. Simplemente não queres! Eu queria.. e não consigo deixar de pensar que hoje é sexta e o mais certo era ter seguido à boleia pra cima para te dar um beijo e um abraço. Um daqueles abraços carregados com duas semanas de saudades e com muito amor. Mas não fui. Em vez disso estou aqui sozinho. Mais sozinho que nunca, numa solidão que a cada hora que passa, a cada olhar para o telemóvel sem nada, faz com que destrua mais um bocado do sonho. Dói. Foi o sonho mais belo que tive... um sonho de uma vida feliz. É estranho pois há um ano e meio não te conhecia de lado nenhum, mas consegui ver em ti algo que nunca tinha visto em mais ninguém: a luz. Sem te conhecer, apaixonei-me por ela e apesar de todas as contrariedades nunca deixei de a ver. Foi essa luz que me fez no dia 3 ir ter contigo a perguntar se me abrias a porta para me iluminar. Um ano e meio depois estou a olhar para a mesma porta.. tal como nesse dia:

 

 

"Encontro-me frente a uma porta.

As portas para mim são as escolhas da vida que, ou por elas se passa, ou se continua pelo corredor até à próxima. Existem portas de amizade, de ideias, de caminhos, de tanta coisa! Até para a minha próxima refeição parece um concurso televisivo com várias montras de prémios. Como era de prever nunca são vidradas (muito menos se encontram abertas) o que faz com que nunca saiba o que está do outro lado!

Voltando à minha porta, posso dizer que esta é diferente das restantes pelas quais tenho passado: é incrivelmente simples e está encostada. Dúvido que tenha sido deixada assim de propósito, mas o que é certo é que deixa passar uma luz imensa como jamais tinha visto!

Por si só já seria o suficiente para me deixar a pensar, mas como se não bastasse, também ouvi um riso. Um riso que condiz com a luz, só pode ser de lá!


Pronto... já estou cativado! Só que não sei nada sobre este brilho! Porque brilha? Quem a faz brilhar?


Quero conhecer...


# ' TOC toc Toc ' #

- Posso entrar?"

 

 

 

 

 

sinto-me: a kerer ka resposta seja igual
publicado por artista-magico às 23:32
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.posts recentes

. Decisões

. O abraço

. Partes de si (1)

. Que seja como for..

. Não desapegar

. Distância

. "The end"?

. És MESMO música nos meus ...

. Nervoso

. És música nos meus dias

. BOM DIA!!

. Arte

. Do meu lado

. Bom dia!

. Sexta

. Ausência

. Banhos, de simples não te...

. E a esta hora...

. Sexta!

. Abraços

. Longe, mas do teu lado

. O mundo dá cada volta!

. Correr lado a lado

. Estás em todo o lado

. Eram os nossos sábados à ...

. Resposta

. Hoje é o teu dia

. Recomeço do blog?

. Última mensagem

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

. A história da Sabrinas e ...

.arquivos

. Setembro 2017

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds